quarta-feira, 28 de novembro de 2012

Direcções

E pela primeira vez em três anos, quando falta pouco para o fim, pergunto-me "Que raio ando eu a fazer neste curso? Mataram-me lentamente sem eu dar conta!". O amor que tinha por isto não é o mesmo, faço as coisas por obrigação e não por gosto, sonho com o fim e que tudo acabe bem depressa, questiono se esta é mesmo a minha vocação... Não sei o que fazer à minha vida neste momento. Arrisquei e afinal não deu grande resultado, mas mais vale arrepender-me por ter tentado de que passar o resto da minha vida a questionar-me se teria vocação ou não por isto. 

5 comentários:

Logan disse...

também pensei isso quando as coisas começaram a correr para o torto no meu curso e a verdade é que hoje estou com o curso feito... melhores dias virão, anima-te :)

West East disse...

ooh vais ver que é só uma fase... também já pensei nisso, mas depois as coisas mudarem e eu mesmo mudei.. voltei a gostar daquilo mais que do que gostava no inicio... como sempre vai haver altos e baixos. força*

O meu reflexo disse...

Acho que isso acontece a toda a gente antes do fim e quando chegas ao fim sentes um alivio por teres chegado e conseguido!!! E depois tens saudades.

Miguel Silva disse...

Shit that's is bullshit. Tenta encontrar algo que gostes dentro do curso, senão mais vale mudares.

Eu se quisesse tirar um Curso além do meu. Só se fosse algo haver com Desporto. Porque de resto não tenho paciência para nada, sou um gajo prático.


Eu quero ser consultor de uma multinacional para poder viajar pelo mundo, nos primeiros anos pelo menos, antes de acentar e querer formar familia

Iva Araújo disse...

Bem... faz tudo o que tens a fazer agora e depois descansa porque pode ser só o stress/cansaço.
Ás vezes não estamos no curso errado apenas não somos motivados porque os professores já não são como antigamente só despejam matéria e querem despachar-se o mais rápido possível! Enfim, nada como dormir sobre o assunto e analisar outras opções