quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

Eu sou realista, ponto.

 Por vezes estamos a falar dos vários conceitos de beleza e se achamos que somos bonito(as) ou uns autênticos trambolhos. Não gosto de opinar muito sobre isto da beleza, porque é um conceito bastante subjectivo, o que para uns é belo, para outros é feio como a noite (embora na minha honesta opinião, a noite consiga ser mais bonita que o dia). Até que chegamos a um ponto da conversa que eu digo "Não sou nada de especial" e levo beliscões, pancadas, chamam-me nomes e fazem-me passar por doida e cega. "Ah, eu matava-me para ter as tuas pernas" ou "Tens uns olhos tão bonitos, nem precisas de rímel!", tretas! Dizem que a galinha da vizinha é melhor que a nossa e é quase sempre verdade. Tento defender-me dizendo que eu sou realista, não sou uma deusa grega, mas também não sou um mostro horrendo. É a minha opinião! Há quem me ache bonita e também ache que tenho cara de aborto, é a vida. Independentemente de gostar de arranjar-me e produzir-me toda (sim, sou vaidosa), faço-o para sentir-me melhor e para agradar a mim. Nunca tive intenções de pavonear-me na rua e exibir a minha beleza. Eu sempre preferi a minha inteligência e a minha personalidade, que mais uma vez há que goste e que desgoste. Não tenho nos meus planos agradar a todos, só um pouco aqueles de quem gosto. Nestas questões defendo que há que ser realista. Aprendam comigo... 

6 comentários:

Sara disse...

Concordo contigo, o conceito de beleza é algo que varia e que mesmo para cada um de nós individualmente se vai alterando :)

.carmen disse...

Lá está, tal como eu, que definitivamente não estou neste mundo para o agradar todo. Nem quero. Há pessoas que não me compreendem, e também não quero ser compreendida por elas. Fisicamente há quem goste, outras certamente não gostam e pronto! C'est la vie, mon ami... ;D

Francisca disse...

Estou completamente de acordo, aliás este post podia ter sido escrito por mim
Beijinhos *

A VIDA É UM ETERNO APRENDIZADO disse...

Olá!
Foi um grande prazer conhecer seu blog.Aproveito meu tempo para navegar e ler textos e poemas feitos por pessoas que gostam de escrever.
Que bom que você é uma delas.
Grande abraço
se cuida

Iva Araújo disse...

Concordo 100% contigo! Realista, sempre. Quando nos arranjamos é para nós e não para os outros, faz-nos sentir bem, alimenta-nos o ego. E não se pode agradar nem a gregos e nem a troianos por isso basta gostarmos de nós e tudo fica mais bonito. ;)

Sweet Hel disse...

Concordo com tudo o que disseste!