domingo, 4 de dezembro de 2011

Oh, se vocês soubessem o que vai-me na cabeça

  Esta noite sonhei que era muito mais velha e era mãe, tinha uma menina deliciosa, muito cor-de-rosa e cheia de lacinhos e estava a adorar a maternidade. O que é estranho, nunca quis ter filhos, mas a verdade é que estas coisas são imprevisíveis. O pai da pequena era um amigo meu, era o melhor marido à face da terra. O sonho acabou maravilhosamente bem comigo à porrada com o monstro das bolachas porque ele queria levar-me a filha e matar o meu marido. Oh, god! Porque raio me deste uma imaginação tão fértil? Hum?

1 comentário:

ângelasousa disse...

Concordo com a imagem e adorei o sonho eheheh xD